General da reserva defende Rêgo Barros e diz que Carlos ‘quer assumir o papel de porta-voz’

Segundo a coluna Painel, da Folha, Paulo Chagas ainda afirmou que o deputado Marco Feliciano (Podemos-SP) tem "ciúme de quem tem prestígio com Bolsonaro"

Foto : Alan Santos/PR

Segundo a coluna Painel, da Folha, Paulo Chagas ainda afirmou que o deputado Marco Feliciano (Podemos-SP) tem “ciúme de quem tem prestígio com Bolsonaro”

Por Juliana Rodrigues

Militares veem com preocupação os ataques do vereador carioca e filho do presidente Jair Bolsonaro, Carlos Bolsonaro, e do deputado federal Marco Feliciano (Podemos-SP) ao general Otávio do Rêgo Barros, porta-voz da Presidência, segundo a coluna Painel, da Folha. Eles veem nas atitudes um roteiro que já levou a demissões.

O general da reserva Paulo Chagas saiu em defesa do colega. “Rêgo Barros é preparado. Tudo o que ele está fazendo, faz com consentimento. Acho que Carlos quer assumir o papel de porta-voz. E Feliciano tem ciúme de quem tem prestígio com Bolsonaro”, disse.

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui