General Heleno diz que tem “vergonha” de receber R$ 19 mil por mês

Na reserva desde 2011, ministro de Bolsonaro disse sentir "vergonha" do valor de R$ 19 mil por mês pago pelo Exército

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

Na reserva desde 2011, ministro de Bolsonaro disse sentir “vergonha” do valor de R$ 19 mil por mês pago pelo Exército

Por George Marques

Durante audiência pública para falar sobre a prisão de um militar na Espanha que desembarcou de um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) com 39 kg de cocaína, o ministro general Heleno, chefe do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) disse que sente “vergonha” de receber um contracheque com o salário líquido de R$ 19 mil por mês.

“Eu tenho vergonha do que eu recebo do Exército, isso eu tenho vergonha. Se eu mostrar pro meu filho que eu sou general de Exército, e ganho líquido R$ 19.000, eu tenho vergonha”, disse Heleno, que é general aposentado do Exército desde 2011, quando passou à reserva.

O ministro respondeu a questionamento do deputado David Mirand (PSOL-RJ), que quis saber porque os últimos três salários de Heleno no COB (Comitê Olímpico Brasileiro) ultrapassaram R$ 50 mil reais. O general foi contratado para ser diretor de Comunicação e Educação Corporativa do COB.

“Nos três últimos meses no COB, levantaram meu contracheque e viram que chegou a cinquenta, cinquenta e um (mil)”, disse. “Outra coisa, o dinheiro do COB sai do valor apostado da Caixa Econômica nos diversos concursos. Este valor há uma discussão que até hoje não se chegou à conclusão se é dinheiro público ou não”, rebateu.

“Eu ganhava honestamente, trabalhava muito no COB, formamos mais de 1000 gestores. Não tenho vergonha nenhuma de ter sido bem pago”, explicou.

Em termos de comparação, segundo a calculadora do Nexo Jornal sobre o seu salário mediante a realidade de Brasil, os 19 mil recebidos por Heleno o colocam acima de 99% de toda a população brasileira.

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui