IBGE: PIB cresce 0,6% no 3° trimestre

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta terça-feira (3) o novo resultado do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país.

© AP Photo / Andre Penner

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou nesta terça-feira (3) o novo resultado do Produto Interno Bruto (PIB), que é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país. O índice cresceu 0,6% no terceiro trimestre deste ano, na comparação com o trimestre anterior.

Em valores correntes, o PIB atingiu R$ 1,842 trilhão no terceiro trimestre de 2019. Do total, R$ 1,582 trilhão se refere ao Valor Adicionado e R$ 259,7 bilhões aos Impostos sobre Produtos Líquidos de Subsídios.

No acumulado em quatro trimestres terminados no terceiro trimestre de 2019, o crescimento é de 1,0%, na comparação com mesmo período anterior.

No acumulado do ano até setembro, o PIB cresceu o mesmo percentual em relação a igual período de 2018.

O setor que apresentou a maior alta foi o agropecuário e registrou 1,3%. Na sequência, ficou a indústria, que subiu 0,8%. Nos serviços, a elevação ficou em 0,4%, todos os percentuais na comparação com o trimestre anterior.

No entanto, a atividade de eletricidade e gás, água, esgoto, atividades de gestão de resíduos caiu 0,9%. Queda também na indústria de transformação: (1%).

De acordo com o IBGE, o crescimento da indústria foi provocado pela expansão de 12% no setor extrativo, com destaque para o bom desempenho da extração de petróleo, e de 1,3% na construção.

Nos serviços, as grandes contribuições ficaram por conta dos resultados positivos das atividades financeiras, de seguros e serviços relacionados (1,2%), do comércio (1,1%), da informação e comunicação (1,1%), das atividades imobiliárias (0,3%) e das outras atividades de serviços (0,1%).

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui