Líder do MBL-BA: Dayane Pimentel comete ‘estelionato eleitoral’ e é ‘funcionária de Neto’

O líder do Movimento Brasil Livre na Bahia (MBL-BA), Siqueira Costa, fez duras críticas, na manhã deste sábado (18), a presidente do PSL na Bahia, a deputada federal Dayane Pimentel, durante o 3º Congresso Estadual do grupo político, em Salvador.

Por: Vagner Souza/BNews

por Mauricio Leiro / Rodrigo Daniel Silva

O líder do Movimento Brasil Livre na Bahia (MBL-BA), Siqueira Costa, fez duras críticas, na manhã deste sábado (18), a presidente do PSL na Bahia, a deputada federal Dayane Pimentel, durante o 3º Congresso Estadual do grupo político, em Salvador.

Em entrevista ao Bahia Notícias, Siqueira afirmou que Pimentel prometeu “representar” o presidente Jair Bolsonaro (PSL) na Bahia, mas tem cuidado apenas dos interessas particulares. O líder do MBL-BA ainda chamou a parlamentar de “funcionária” do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM).

“Está fazendo política de compadrio. Coloca o marido na prefeitura de Salvador (Alberto Pimentel é secretário municipal de Trabalho, Esportes e Lazer). Um cara que não conhece Salvador. (Dayane) Não se pronuncia em relação aos pronunciamentos de ACM Neto (com críticas ao governo Bolsonaro). Ela cala a boca. É uma funcionária de ACM Neto, por isso que é estelionato eleitoral. Vendeu a imagem que ia representar Bolsonaro, mas na primeira oportunidade (aceitou uma secretaria)”, atacou Siqueira.

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui