PSDB de São Paulo formaliza pedido para expulsar Aécio

Requerimento será analisado amanhã em reunião da executiva Nacional da sigla

Foto : Lula Marques/Agência PT

Requerimento será analisado amanhã em reunião da executiva Nacional da sigla

Por Lara Curcino 

O diretório estadual de São Paulo do PSDB formalizou um pedido de expulsão do deputado federal Aécio Neves do partido. O ato ocorre após o diretório municipal da legenda realizar a mesma solicitação.

O requerimento será enviado ao Conselho de Ética da sigla, que vai analisar o documento. A reunião da executiva Nacional do PSDB que vai definir se os pedidos de expulsão serão aceitos ocorre amanhã (21).

O movimento para desligar o parlamentar do partido é incentivado pelo governador de SP, tucano João Dória, que engloba a remoção no que ele chamou de “faxina ética” na legenda.

Caso o pedido seja aceito, o mineiro terá, teoricamente, cerca de seis meses para se defender. O presidente do PSDB-SP, Marco Vinholi, no entanto, defende que o prazo seja encurtado.

Aécio é réu por corrupção passiva e obstrução da Justiça desde abril do ano passado, após ser flagrado pedindo um empréstimo de R$ 2 milhões ao empresário Joesley Batista, da JBS. Ele é ainda alvo de ao menos outros oito inquéritos abertos após delações da Odebrecht, da própria JBS e do ex-senador do PT Delcídio do Amaral.

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui