‘Racista, misógino, violento’, diz candidato da oposição argentina sobre Bolsonaro

Alberto Fernandez, que faz parte da chapa de Cristina Kirchner, também criticou o presidente americano, Donald Trump

Foto : FrenteDeTodos/media

Alberto Fernandez, que faz parte da chapa de Cristina Kirchner, também criticou o presidente americano, Donald Trump

Por Kamille Martinho 

O candidato da oposição à presidência da Argentina, Alberto Fernández, que obteve uma grande vantagem sobre o atual presidente Mauricio Macri nas eleições primárias do país, classificou o presidente Jair Bolsonaro como “racista, misógino e violento”.

“Com o Brasil, teremos uma relação esplêndida. O Brasil sempre será nosso principal sócio. Bolsonaro é uma conjuntura na vida do Brasil, como Macri é uma conjuntura na vida da Argentina”, disse Fernández em uma entrevista ao programa “Corea del Centro”. “Agora, em termos políticos, eu não tenho nada a ver com Bolsonaro. Comemoro enormemente que fale mal de mim. É um racista, um misógino, um violento…”, declarou.

Na oportunidade Fernández também criticou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmando ser um bom líder para seu país, mas não para o mundo.

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui