TCU: MP pede inspeção in loco no Coaf para saber se há investigação contra Greenwald

O subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado reiterou pedido de medida cautelar na representação do parquet no TCU que trata de possível investigação do Coaf contra o jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil.

Foto : Vinicius Loures/Câmara dos Deputados

Do migalhas

O subprocurador-Geral Lucas Rocha Furtado reiterou pedido de medida cautelar na representação do parquet no TCU que trata de possível investigação do Coaf contra o jornalista Glenn Greenwald, do site The Intercept Brasil.

A suspeita é de que as investigações seriam realizadas a pedido da PF e teriam o objetivo de verificar qualquer movimentação atípica que pudesse estar relacionada à invasão dos celulares de agentes públicos envolvidos com trabalhos da operação Lava Jato.

O ministro Bruno Dantas deu prazo para que o ministro da Economia Paulo Guedes e o Coaf se manifestassem acerca de análise das movimentações financeiras do jornalista.

Ontem, Guedes e Coaf disseram desconhecer investigação a pedido da PF, mas com uma ressalva – no ofício, o presidente substituto do órgão de controle deixa a dúvida no ar, diante do intercâmbio com autoridades competentes.

(…)

ESCREVA SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui